Rio de Janeiro, Brasil  |  Barcelona, España 

  • Branca Ícone Instagram

©  2020 PETDENTIS

Endodontia

Endodontia 

A endodontia é um ramo da odontologia responsável por tratar da parte interna do dente chamada de polpa dentária.

Quando a polpa está doente ou sofreu lesões e não consegue se recuperar sozinha, ocorre a necrose (morte pulpar). As causas mais comuns de necrose pulpar são fraturas dentárias causadas por traumas externos como quedas ou mordidas em objetos rígidos, ou infecções internas profundas como doenças autoimunes ou inflamações crônicas. Esses dois problemas podem permitir que bactérias entrem na polpa, causando uma infecção dentro do dente.

Tratamento de Canal

Etapas e Cuidados

Polpa dentária

A polpa dentária é o tecido mole que contém nervos, vasos sanguíneos e tecido conjuntivo. Ela está localizada no interior do dente e se estende da coroa dentária à ponta da raiz dentária. A raiz dentária está inserida dentro do osso da maxila ou mandíbula

Necrose pulpar

Se o problema não for tratado, forma-se uma coleção purulenta (pus) na ponta da raiz dentro do osso, chamada de abscesso. Um abscesso pode causar danos no osso ao redor do dente e fistular até a face do animal se apresentando como uma ferida na pele abaixo do olho (fístula infra orbitaria).

Tratamento de canal

Durante o tratamento,  remove-se a polpa comprometida. A câmara pulpar e o canal radicular do dente são desinfetados e obturados. Uma vez que a raiz dentária de um dente tratado é nutrida pelos tecidos ao seu redor, o dente permanecerá saudável.

Cuidados pós canal

O tratamento de canal, geralmente, requer cuidados dobrados no pós operatório. Um dente restaurado pode durar a vida toda se houver cuidados diários dos dentes e gengiva. Entretanto, check-ups regulares são necessários.